Banpara energia solar


Com prisão de foragido de Roraima PRF cumpre, em um ano, 36 mandados de prisão na Br-163

Portal OESTADONET - 09/04/2024

Créditos: Divulgação/PRF

Um homem condenado da Justiça por crime de homicídio e tentativas de homicídios foi preso, na tarde de segunda-feira (8), durante uma abordagem de rotina da Polícia Rodoviária Federal (PRF), no quilômetro 995, da BR-163, em Santarém, no oeste do Pará. Com essa prisão, já são trinta e seis cumprimentos de mandados de captura de presos na área da Br-163, entre Santarém e Novo Progresso, no sudoeste do Pará, no período de um ano. Isso representa mais de 60% dos mandados cumpridos pela PRF em todo Pará.

 

Manoel Rosa Ferreira, de 61 anos, natural de Imperatriz, no estado do Maranhão, foi preso em cumprimento a um mando judicial expedido pela 1ª Vara Criminal do Tribunal do Júri e da Justiça Militar do Tribunal de Justiça de Roraima. 

 

Conforme a decisão da Justiça, Manoel Rosa Ferreira foi condenado pelos crimes contra as vítimas Keiliane Lopes da Lima Silva, Ketlen Patrícia Ramos Martins de Oliveira e Milene Alexandre Martins, fatos ocorridos no dia 23 de novembro de 2017.

 

A prisão aconteceu por volta das 16h30, quando a equipe da PRF fazia uma fiscalização de rotina na BR-163. Ao abordarem um ônibus de transporte interestadual de passageiros que fazia o itinerário de Santarém até Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, os policiais encontraram um homem com mandado de prisão em aberto.

 

Ao consultar o sistema, verificou-se que havia contra o passageiro ordem de prisão por crimes de homicídio consumado qualificado e crimes de homicídio tentado qualificado, expedido pela Justiça do Estado de Roraima.

 

“Em atendimento ao disposto no artigo 415, §3º do CPP entendo que o acusado apresenta nítida intenção de se isentar da aplicação da lei penal, uma vez que não compareceu nos autos deste feito, mantendo-se com localização desconhecida por este Juízo. Assim, decreto sua prisão preventiva, nos termos do artigo 312 do CPP. Expeça-se o devido mandado de prisão”, diz a decisão judicial.

 

Os policiais deram voz de prisão ao passageiro e o conduziram à 16ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Santarém os procedimentos cabíveis.

 

 




  • Imprimir
  • E-mail