pms fev 2024 exploração sexual
rec cartão afinidade Banpará fevereiro interno

Após 10 meses, fuga de 24 presos em Santarém gera investigação disciplinar de seis servidores pela corregedoria penitenciária

Portal OESTADONET - 07/12/2023

 

Quase 10 meses após a fuga de 24 presos da Unidade de Custódia e Reinserção de Santarém (UCR), no Complexo Penitenciário de Santarém, no oeste do Pará, a Corregedoria-Geral Penitenciária do Estado do Pará, acatou, parcialmente, o relatório conclusivo da comissão de sindicância que investiga o envolvimento de servidores na fuga dos internos, ocorrida no dia 17 de fevereiro deste ano.

 

Portaria publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), assinada pelo Corregedor-Geral Penitenciário, Renato Nunes Valle, informa que a comissão sindicante, após análise criteriosa dos autos pugnou pela instauração da sindicância administrativa disciplinar contra seis servidores.

 

Segundo a publicação, o relatório conclusivo aponta existência de indícios de materialidade e autoria suficientes para a abertura do ato administrativo disciplinar. Os nomes dos servidores investigados pela Corregedoria não foram divulgados. 

 

A portaria, no entanto, trouxe apenas as iniciais do servidores supostamente envolvidos na fuga de 24 presos: L.F.C.S.; I.M.L.P.; B.L.S.; E.P.S.R.; L.B.C.; e H.T.S. 

 

Os servidores podem responder por prevaricação e improbidade administrativa pela suposta falta de zelo e responsabilidade com o trabalho. 

 

O corregedor determinou que cópia do relatório conclusivo, decisão e portaria desta decisão, sejam enviadas à Diretoria de Gestão de Pessoas (DGP), para registro nos assentamentos funcionais dos servidores.




  • Imprimir
  • E-mail