Dengue
Vox interno
churrascaria interno

Fraude no seguro defeso: Quadrilha em Pernambuco está sacando dinheiro das contas de pescadores em Santarém

Weldon Luciano - 20/02/2019

30 saques indevidos do seguro defeso nas contas de pescadores conteceram nessa região apenas nesses dois primeiros meses do ano. -

A Colônia de Pescadores da Z-20 em Santarém investiga supostas irregularidades no seguro defeso e busca alternativas junto ao Governo Federal para solucionar o problema. Segundo apurou a equipe de reportagem do Portal OESTADONET, pessoas do estado de Pernambuco estaria conseguindo ter acesso às contas de pescadores da região e conseguiram sacar quantias dos benefícios. Ao todo, foram identificados 30 saques indevidos do seguro defeso que aconteceram nessa região apenas nesses dois primeiros meses do ano.

 

“Este fato está nos deixando preocupados. É algo que ocorre em todo o país, mas a quantidade de casos no Pará e principalmente na região oeste do Pará é algo que chama a atenção. Vamos em busca das medidas legais para que isso seja solucionado, uma vez que os pescadores que de fato possuem direito a receber este dinheiro acabam sendo lesados, sem perspectiva de serem ressarcidos”, disse Jucivaldo dos Santos, diretor de Patrimônio e Finanças da Z- 20.

 

A Colônia de Pescadores acredita que uma quadrilha tenha conseguido uma segunda via do cartão ou da documentação dos pescadores locais e que tenha alterado os endereços para as áreas em que estão sendo sacados. A orientação é de que o pescador que tenha sofrido o golpe deve registrar o caso para as autoridades policiais e contestar o saque junto ao Banco, no caso a Caixa Econômica.  

 

Após reuniões com a gerência da Caixa em Santarém, o Ministério da Economia foi notificado e ficou de apurar o caso e apontar uma solução em até 90 dias. Caso este prazo não seja cumprido, a Z-20 não descarta a possibilidade de ingressar com uma ação judicial para garantir o ressarcimento dos pescadores vitimados.   


  • Imprimir
  • E-mail