banpara LCI julho 2024


Educação indígena recebe investimentos da Prefeitura de Santarém

Portal OESTADONET - 15/06/2024

Primeira escola com arquitetura indígena do Brasil é entregue à comunidade escolar Munduruku da Aldeia Cavada - Créditos: Divulgação /PMS

 

 


A inauguração da escola São Francisco, na aldeia Cavada, no território Munduruku, localizada na rodovia Curuá-Una, em Santarém, no oeste do Pará, é um marco para a educação indígena do país. O educandário foi o primeiro do país a ser construído em arquitetura indígena. A educação indígena tem recebido importantes investimentos do governo municipal. Foi a segunda escola indígena inaugurada pelo prefeito Nélio Aguiar esta semana. A primeira foi a escola Wapurum Tip, localizada na aldeia Açaizal. 

 

As duas escolas fazem parte da lista de 53 que serão entregues durante a programação de aniversário dos 363 anos de Santarém. Juntas, elas receberam investimentos na ordem de R$ 2.071.991,00. Já foram inauguradas 12 escolas desde o início da programação.

 

 

 

 

A nova escola indígena São Francisco foi fundada em 1970 e reconhecida como escola indígena em 2010. O educandário atende 48 alunos da educação infantil e do ensino fundamental, do 1º ao 9º ano. Em 2011, tornou-se núcleo da escola indígena Dom Pedro II, atualmente denominada escola indígena Wapurum-Tip.

 

A obra incluiu a construção de um bloco administrativo com bloco de serviço, um bloco de duas salas de aula e banheiros, com um investimento total de R$ 851.270,77.

 

A presidente da Associação da Aldeia, Antônia Alda, destacou a importância da nova estrutura: "A inauguração desta escola com arquitetura indígena é um reconhecimento do valor da nossa cultura e da importância de proporcionar um ambiente educacional adequado para nossos filhos."

 

O cacique Santino Campos também falou emocionado sobre a conquista: "A nova escola é um presente para toda a comunidade. Aqui, nossas crianças poderão aprender e crescer valorizando suas raízes e tradições."

 


Santino Campos, o cacique

 

 

O prefeito Nélio Aguiar ressaltou a importância da obra: "Entregar a nova Escola Indígena São Francisco é um passo significativo para a educação e para a preservação cultural dos povos indígenas de Santarém”, disse o gestor municipal.

 

Escola Wapurum Tip 

 

A inauguração da nova escola Indígena Wapurum Tip aconteceu na última segunda-feira. Fundada em 1970 e reconhecida como escola indígena em 2009, a escola tornou-se polo em 2011. A instituição atende à educação infantil e ao ensino fundamental do 1º ao 9º ano, além de alunos do ensino médio modular indígena - SOMEI.

 

A escola é matriz de outras três escolas anexas: São Francisco, na Aldeia São Francisco da Cavada, Santa Helena, na Aldeia Amparador, e São Francisco, na Aldeia São Pedro do Palhão.

 

A nova escola foi construída seguindo a arquitetura indígena e inclui um bloco administrativo, um bloco de serviço com cozinha e banheiros, e quatro salas de aula, conforme as reivindicações dos indígenas do território Munduruku do Planalto. A obra recebeu um investimento de R$ 1.220.721,76.




  • Imprimir
  • E-mail