banpara LCI julho 2024


ICMBio começa atender beneficiários do Bolsa Verde na Resex Tapajós-Arapiuns, em Santarém

PORTAL OESTADONET - 14/06/2024

 

 

O Programa Bolsa Verde já começou o atendimento das famílias que residem na Reserva Extrativista Tapajós-Arapiuns (Resex), em Santarém, no oeste do Pará. Os beneficiários aptos a receber o benefício devem comparecer à sede do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), para assinar o termo de adesão ao programa.

 

O escritório do ICMBio está localizado na avenida Tapajós, no bairro Laguinho, e os atendimentos serão feitos de segunda a sexta, das 08h00 às 12h00, e das 14h00 às 18h00. A autarquia colocou servidores para atender esse público específico. 

 

O lançamento oficial do programa ocorreu no último dia 11. 

 

De acordo com o ICMBio, famílias de 344 assentamentos ambientalmente diferenciados criados pelo Incra podem acessar o benefício do Bolsa Verde de incentivo à preservação dos recursos naturais. As áreas de reforma agrária estão localizadas nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará e Rondônia.

 

O programa realiza pagamentos trimestrais de R$ 600,00 a famílias residentes em unidades de conservação de uso sustentável, assentamentos ambientalmente diferenciados e territórios de comunidades tradicionais (ribeirinhos, extrativistas, indígenas e quilombolas).

 

Para ter direito ao benefício, as famílias se comprometem a preservar o ambiente em que vivem, cuidando da região e usando os recursos naturais de maneira responsável. Os beneficiários também terão acesso a ações de assistência técnica, extensão rural socioambiental, conservação ambiental e inclusão socioprodutiva.

 

O acesso das famílias é realizado em nome do responsável familiar inscrito no CadÚnico através do site bolsaverde.mma.gov.br/cidadão.




  • Imprimir
  • E-mail