cartão afinidade banpara abril 2024

Veja vídeo que mostra enfermeiro do Hemopa, que morreu no domingo, tendo sua bebida 'batizada' em mesa de bar na orla de Santarém

Portal OESTADONET - 29/02/2024


 

Atualização às 16h00 do dia 29 de fevereiro para postagem dos videos abaixo que mostram sequência de 'batizado' de bebida, ação das acompanhantes e momento em que enfermeiro do Hemopa cai ao chão; assista

 

 

 

 

O Portal OESTADONET teve acesso ao vídeo em que o enfermeiro Helder Neves tem sua bebida 'batizada' por uma mulher com quem dividia mesa de bar, na orla de Santarém.

 

O conteúdo do vídeo foi revelado ontem com exclusividade pelo portal OESTADONET.

 

 

 

 

Atualização às 07h00, 29 de fevereiro: São três presos pela polícia: Ana Dayane de Andrade Bentes, Verônica Brito Farias( nome social) e Nelia Patrícia dos Santos Pandora.

 

Atualização às 20h30, 28 de fevereiro: A justiça decretou a prisão de quatro suspeitos envolvidos na morte do enfermeiro do Hemopa, Helder Colares Neves. Dois deles, que prestaram depoimento nesta quarta-feira, já estão presos. A polícia tenta prender mais dois suspeitos, um deles, que estava na mesa do bar com a vítima, e outro que não aparece nas imagens do vídeo descrito pela reportagem, na matéria abaixo.


 

A Polícia Civil em Santarém, no oeste do Pará, investiga se a morte do enfermeiro do Hemopa, Helder Colares Neves, encontrado sem vida em um banco, na avenida Tapajós, na manhã do último domingo (25), teria sido um crime intencional. Inicialmente, a informação é que a morte do enfermeiro foi de causas naturais. 

 

Na manhã desta quarta-feira (28), duas pessoa foram apresentada na 16ª Seccional Urbana de Polícia Civil para prestar depoimento à polícia. Há suspeitas que Helder tenha sido vítima do golpe conhecido como ‘Boa Noite Cinderela’. A polícia também investiga uma possível omissão de socorro. 

 

O Portal OESTADONET teve acesso a trechos de imagens de uma câmera de segurança de um bar localizado na orla de Santarém, que mostram os últimos momentos de Helder Colares em vida.

 

A imagem mostra a vítima sentada em uma mesa neste bar. Na cabeceira, há uma pessoa que a polícia acredita ser um travesti, possivelmente venezuelano ou colombiano. Helder está no centro, há duas mulheres, uma delas, mais afastada. A vítima está tomando uma Coca-Cola.

 

Em determinado momento, o suposto travesti chama Helder para perto dele, e o abraça. Ele se vira, e depois inclina a cabeça para ouvir alguma coisa. Nesse instante, uma das mulheres que está sentada ao lado de Hélder coloca um pó branco na bebida que está no copo da vítima. 

 

Na sequência, o travesti solta Helder e olha para as mulheres indicando que há câmeras no local. A vítima coloca mais refrigerante no copo, sem perceber a armação.

 

Segundo apurou o Portal, pelo menos duas pessoas, cujas identidades não foram reveladas até o fechamento desta matéria,  foram conduzidas à polícia para prestar esclarecimentos sobre esse episódio que teria  resultado na morte do enfermeiro do Hemopa.

 

O Portal também apura se a polícia já teria pedido à justiça a decretação de prisão temporária das duas pessoas suspeitas.

 

A Polícia Cívil deve se manifestar sobre as investigações nesta quinta-feira(29), às 10h00.




  • Imprimir
  • E-mail