Alfabetiza junho

Consumidor de Itaituba paga pela carne bovina quase metade do preço praticado em Santarém por açougues e supermercados; vídeo

Portal OESTADONET - 06/06/2024


 

 

Fim de semana chegando e muita gente já está se programando para aquele churrasco em família ou com os amigos, não é mesmo? Mas em tempos de alta no preço da carne bovina, achar opções mais acessíveis tem sido uma missão quase impossível, já que o quilo do produto, dependendo do corte, não cabe no bolso de muitos consumidores. Itaituba, no sudoeste do Pará, está na contramão dessa realidade de várias cidades da região, onde o preço da carne disparou nos açougues e supermercados. Por lá, as filas comprovam: tem carne barata!

 

Em Itaituba, a proteína não falta na mesa das famílias itaitubenses. Só não come carne quem tem preferência por frango ou peixe. Os consumidores encaram as enormes filas sem reclamar, já que a espera está valendo a pena. 

 

O quilo da carne bovina ficou mais barato nos últimos meses, principalmente cortes considerados mais nobres como file mignon, picanha, maminha e alcatra, por exemplo, que saem até por R$ 27,00, como são vendidos no Açougue da Brassendako, na Trav. 13 de Maio, em Itaituba, na região sudoeste do Pará.

 

 

 

 

Num comparativo com o preço encontrado nos supermercados e açougues de Santarém, em média, o quilo da carne em Itaituba chega a custar 50% mais barato. 

 

Cortes bastante procurados como chamabari, coxão duro, acém, costela e carne moída estão sendo vendidos a preços populares. 

 

Nos açougues santarenos, o quilo do filé mignon chega a custar até R$ 65,00, e a alcatra R$ 45,00.

 

Confira alguns preços de cortes vendidos nos açougues de Itaituba:

 

Acém R$ 9,00
Alcatra R$ 27,00
Chambari R$ 6,00
Coxão mole R$ 27,00
Coxão duro R$ 16,00
Filé mignon R$ 27,00
Lagarto R$ 27,00
Patinho R$ 18,00
Maminha R$ 27,00
Picanha R$ 27,00
Fraldinha R$ 27,00
Costela R$ 9,00
Cupim R$ 18,00
Coração R$ 15,00
Carne moída R$ 13,00
Fígado R$ 15,00
Língua R$ 15,00




  • Imprimir
  • E-mail