pms fev 2024 exploração sexual
rec cartão afinidade Banpará fevereiro interno

Moradores relatam precariedade para navegar nos rios em Santarém(PA)

Portal OESTADONET - 24/10/2023

Trecho do rio Arapiuns, próximo às comunidades de Pascoal e São José, Ilha do papagaio - Créditos: Daniel Arapiun

A vazante e a falta de chuvas na região causaram sérios impactos na vida do ribeirinho. Desde o início do período mais crítico da estiagem que moradores sofrem com a escassez de água potável, alimento, atendimentos de saúde e condições para navegar em rios e igarapés. Nas comunidades do interior de Santarém, no oeste do Pará, a situação é crítica e muitas famílias sofrem com a falta de produtos essenciais para o seu dia a dia. 

 

Nas localidades às margens dos rios, a situação é desoladora e crítica. O transporte por via fluvial foi seriamente comprometido e quem depende da pesca também sofre com a falta de condições para a pesca artesanal. 

 

Nas redes sociais, muitos moradores compartilham seus dramas e mostram cenas desoladoras que acentuam a situação de calamidade pela qual milhares de pessoas está vivendo neste período do ano na região. 

 

O senhor Valdemar, conhecido como Americano, da comunidade de Nova Canaã, no Rio Arapiuns, falou da dificuldade que os comunitários estão tendo para se locomover pelos rios que estão muito baixo. “Na semana passada, eu estive em Santarém e nós viemos encalhando desde o Curi’, relatou o morador.

 

Segundo ele, muitas pessoas que faziam viagens para a área urbana da cidade não estão mais se arriscando em navegar devido à falta de condição dos rios. 

 

“A situação para nós aqui dentro do Inambu, do Maró, do Mentai para cima, é crítica. O pessoal enfrenta as dificuldades que nós enfrentamos aqui”, disse o morador, ressaltando que esse ano foi a pior seca já vivenciada pelos moradores em todos os anos. “A calamidade aqui tá precária além do que se imagina”, disse.

 

Outro morador, Dinael Arapiun, compartilhou em suas redes sociais, vídeos e fotos mostrando a dificuldade que as embarcações têm para navegar nesse período de estiagem severa. “Hoje estou na região do Arapiuns estas imagens são próximo às comunidades de Pascoal e São José. Ilha do papagaio. Não conseguir passar de bajara e fiquei imaginado como estão nossas comunidades e aldeias acima. Como tá chegando a alimentação e produtos para nosso povo?”, escreveu o morador.




  • Imprimir
  • E-mail