pms fev 2024 exploração sexual
rec cartão afinidade Banpará fevereiro interno

Ciclista faz registro da seca no lago Maicá, em Santarém 

Portal OESTADONET - 17/10/2023

Ponte de madeira improvisada no meio do lago do Maicá, em Santarém - Créditos: Reprodução/Vídeo/Carlos Alfredo

O ciclista e canoísta Carlos Alfredo publicou um vídeo em suas redes sociais mostrando como o lago do Maicá,  um dos lugares mais encantadores de Santarém, no oeste do Pará, está nesse período de estiagem severa.

 

 

 

 

O aventureiro classificou o cenário como surreal, já que ele conhece bem o lago em dias de muita água no período de cheia. Em cima de sua 'magrela', ele percorreu longas áreas de terra de chão batida e onde antes era o leito do lago, virou estrada para motos e carros. 

 

O Lago do Maicá é um dos lugares mais visitados pelos amantes de turismo de aventura. A paisagem verde do lugar oferece raros momentos de contemplação da natureza, principalmente no fim da tarde. O pôr do sol visto de lá é incrível.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Trata-se de um berçário de várias espécies de animais, principalmente aves e peixes, que na cheia alimenta muitas famílias que vivem da pesca artesanal. 

 

O Lago do Maicá tem vocação própria para o turismo de base comunitária. Os passeios de barcos são um dos atrativos à parte. 

 

Na sua aventura, Carlos Alfredo ficou impactado com a mudança da paisagem do lugar onde ele e amigos sempre vão para navegar em seus caiaques.

 

 

 

 

No vídeo, o ciclista compara imagens da época da enchente e da vazante atual, mostrando que até pontes de madeira precisaram ser construídas para se ter acesso de uma margem a outra do lago. Na área onde se praticava canoagem o cenário é de estiagem e, até, pelo caminho por onde bois eram tocados por vaqueiros em caiaques agora viram estrada de chão batido.

 

Confira o vídeo na íntegra AQUI.
 




  • Imprimir
  • E-mail