banpara LCI julho 2024
Verão julho

Exército fechará ramais de acesso à BR-163 durante Caminhada de Fé com Maria

PORTAL OESTADONET - 10/10/2023

A edição de número 29 da Caminhada de Fé com Maria este ano terá segurança redobrada na BR-163, no trecho entre Mojuí dos Campos e Santarém, no oeste do Pará. O Exército vai fechar os ramais da rodovia Santarém-Cuiabá para evitar o que aconteceu no ano passado, quando um veículo furou a barreira de segurança e atropelou os caminhantes, causando a morte de duas pessoas. 

 

Durante o dia do evento, a Polícia Rodoviária Federal (PRF), fará barreiras no período da tarde nos trechos da rodovia com o objetivo de tirar de circulação bebidas alcóolicas e objetos perfurantes. À noite, o reforço na estrada será feito em parceria com os demais órgãos como Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT), Departamento de Estado de Trânsito (Detran), Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

 

Segundo o chefe da PRF em Santarém, Sidmar Oliveira, a estratégia da Polícia Rodoviária é para evitar o tráfego de veículos próximo aos caminhantes. Para isso, a PRF vai solicitar do 8º Batalhão de Engenharia e Construção (8º BEC), apoio para fechar alguns ramais de acesso à comunidades ao longo da BR-163 no dia da caminhada de fé. 

 

“Pedimos apoios dos demais órgãos para que juntos possam reforçar o esquema de segurança durante a caminhada. Vamos solicitar o apoio do Exército para fechar alguns ramais. À noite, algumas pessoas precisam fazer compras ou deixar o local e acabam deslocando os seus veículos juntamente com os caminhantes e nós vamos evitar isso também”, disse Sidmar Oliveira.

 

Tragédia em 2022


No ano passado, a Caminhada de Fé com Maria foi marcada pela tragédia, quando um condutor embriagado furou o bloqueio de segurança da estrada e atropelou os fiéis. O acidente aconteceu no dia 14 de dezembro de 2022.

 

As vítimas foram Ângela Maria Gomes Moraes e o filho dela, Marciro Mendes Moraes. A mulher morreu no local e o rapaz chegou a ser levado ao pronto socorro, mas faleceu após uma parada cardiorrespiratória.

 

O motorista, Sirlei Dantas Lira, foi indiciado por embriaguez ao volante e homicídio qualificado.




  • Imprimir
  • E-mail