Verão julho

Voluntários farão atendimento odontológico em comunidades da região de várzea de Santarém

Portal OESTADONET - 21/07/2023

Ocoordenador do Núcleo de Saúde Bucal, Jhey Coelho e o diretor do projeto, Carlos Daidi Nakazato, - Créditos: Divulgação

25 comunidades da região de várzea de Santarém, no entorno de Arapixuna e Guajará, vão ser atendidas pelo projeto Semear Sorrisos, no período de 24 a 30 de julho, a bordo da Unidade de Saúde Fluvial Ailton Barros.

 

Uma equipe de 40 profissionais voluntários atuará na missão, desses 14 são dentistas e 4 técnicos auxiliares vão atuar em seis consultórios portáteis monados na unidade fluvial.

 

Os seguintes serviços serão ofertados: restaurações, extrações, limpezas, aplicações de flúor, palestras educativas e a distribuição de 500 kits de higiene bucal. A previsão é atender 70 pacientes por dia, com a meta de realizar 490 consultas odontológicas e 1.890 procedimentos.

 

Essa é a segunda parceria entre a Prefeitura de Santarém e o projeto Semear Sorrisos. Ano passado, a UBSF Abaré I realizou a primeira jornada odontológica infantil, do dia 12 a 21 de julho, em 44 comunidades do Tapajós. Durante as ações,  553 crianças de 4 a 12 anos de idade foram atendidas e 2.998 procedimentos odontológicos foram realizados. 

 

O projeto Semear Sorrisos, da ONG Centro de Desenvolvimento Regional, atua em duas frentes: saúde e saneamento. Na área da saúde atua especificamente ofertando serviços odontológicos para pessoas carentes. 

 

Atualmente, o projeto possui sede na praia do Cajutuba, no município de Belterra. Tendo como diretor e fundador Carlos Daidi Nakazato. Os profissionais que atuam nas ações são voluntários de todo Brasil que se unem para trabalhar em uma única missão que é semear sorrisos.

 




  • Imprimir
  • E-mail