pms fev 2024 exploração sexual
rec cartão afinidade Banpará fevereiro interno

Dia mundial da tartaruga: relatório do IBAMA revela que mais de 1 milhão de quelônios foram soltos na natureza na temporada 2022/2023

Portal OESTADONET - 23/05/2023

Tabuleiro de Monte Cristo, Pará. Equipes do Programa Quelônios da Amazônia (PQA) protegem tartarugas - Créditos: Divulgação/Ibama

Mais de 1 milhão de filhotes de tartaruga da Amazônia produzidos e soltos na natureza. 82 tartarugas resgatadas durante ações de fiscalizações no Rio Tapajós, além do manejo de 178 ninhos de tracajás e pitiús na região.

 

Esses são os números do Programa Quelônios da Amazônia (PQA), do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Sustentáveis (Ibama), referentes à temporada de 2022 e 2023 que serão divulgados na tarde desta terça-feira (23), durante a solenidade de premiação do concurso de desenho e poesia promovido pelo instituo cujo tema foi “Quelônios: ambientes em que vivem”, que faz parte da comemoração pelo dia mundial da tartaruga.

 

Na temporada 2022/2023, o PQA, executado no Tabuleiro de Monte Cristo, no Rio Tapajós, realizou a capacitação de 35 comunitários e oito servidores de secretarias municipais de Meio Ambiente em manejo de quelônios.

 

Na ocasião, serão apresentados dados relacionados ao programa de voluntariado do Ibama, cujos resultados também alcançaram números significativos. O projeto é pioneiro no Ibama e tem ajudado na preservação das espécies ameaçadas de extinção. No período de eclosão de filhotes, oito voluntários ajudaram nos trabalhos de manejo nos ninhos. Foram 1.065.365 de filhotes de tartaruga introduzidos na natureza.

 

O Ibama conta com a parceria da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), Secretaria Municipal de Rurópolis, Fundação de Desenvolvimento de Tecnópolis (Funtec), Sociedade para a Pesquisa e Proteção do Meio Ambiente (Sapopema), Instituto Federal do Pará (IFPA), de Itaituba, além das comunidades de Monte Cristo, Moreira e Araipá.

 

 


Divilgação/Ibama

 

 

De acordo com Rafael Fonseca, coordenador do Programa Quelônios da Amazônia, no Pará, em 2022, os resultados foram bastante positivos com ações voltadas para a educação ambiental de comunitários e servidores municipais. 

 

Rafael destacou o trabalho de fiscalização do Ibama no combate à pesca predatória de quelônios na região. Muitas ações ocorreram durante à noite, inclusive com o uso de drones, que ajudaram a proteger as espécies de pescadores clandestinos.

 

A Ufopa e o Ibama promovem nesta terça-feira(23) uma vasta programação em comemoração do Dia Mundial da Tartaruga. O ponto alto será a entrega da premiação aos vencedores do I Concurso de Poesia e Desenho e a divulgação dos números do PQA.

 

Haverá mesa-redonda sobre os impactos de grandes empreendimentos nos quelônios amazônicos, com uma série de palestras com temas voltados ao meio ambiente com palestrantes da Ufopa, Ministério Público Federal, Rede Fauna e Universidade Federal do Amapá. Pela Ufopa, a organização é do Programa de Pós-Graduação Doutorado em Sociedade Natureza e Desenvolvimento (PPGSND), ligado ao Instituto de Biodiversidade e Florestas (Ibef).




  • Imprimir
  • E-mail