pms fev 2024 exploração sexual
rec cartão afinidade Banpará fevereiro interno

SEMAS cancela 456 Cadastros Ambientais Rurais na Flota do Paru, santuário de árvores gigantes

Portal OESTADONET - 26/12/2022

O imponente angelim vermelho se destaca na Flota do Paru - Créditos: Agência Pará

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) cancelou 456 Cadastros Ambientais Rurais (CAR) mapeados no interior da Floresta Estadual do Paru (Flota). O cancelamento visa garantir a conservação da fauna e a flora da unidade de conservação e reforçar as ações contra o desmatamento ilegal e outros crimes contra o meio ambiente.

 

A partir do mapeamento do Cadastro Ambiental Rural, a Semas age para a inibir o exercício de atividade rural em desconformidade com os objetivos da floresta estadual. A Flota abrange os municípios de Almeirim (58%), Monte Alegre (18%), Alenquer (18%), Óbidos (4%) e Prainha (2%).

 

Na Flota do Paru está localizada a quarta maior árvore do mundo encontrada em setembro deste ano: um angelim vermelho, medindo 88,5 metros de altura e 3,15 metros de diâmetro, variando de 400 a 600 anos de existência. A unidade de conservação foi considerada a quinta reserva mais desmatada na Amazônia, no mês de outubro, segundo o Imazon.

 

O cancelamento do CAR é uma das estratégias para bloquear que as atividades não regulares tenham acesso a crédito financeiro na área da Flota do Paru, visto que nessa modalidade de unidade de conservação só é possível utilizar os recursos naturais, sob regime de manejo sustentável.

 

As equipes da Secretaria Adjunta de Gestão e Regularidade Ambiental (Sagra) mapearam que dos 456 CAR cancelados, 149 cadastros já estavam suspensos e notificados para procederem a retificação do CAR e removerem qualquer percentual de sobreposição da Flota. 

 

 

 

 

Contudo, estas notificações de retificação enviadas pela Semas não obtiveram respostas e após vencimento dos prazos foi possível adotar a medida de cancelamento. Um outro dado que chama a atenção é que no ano de 2022 o número de CARs inscritos saltou de 30 cadastros para 282.

 

A ação de cancelamento do CAR, segue as diretrizes do Programa Regulariza Pará, institucionalizado pelo Decreto Estadual nº. 2745/2022, que no escopo destaca a necessidade da ação governamental para a solução de pendências de CAR de imóveis rurais sobrepostos às terras indígenas e unidades de conservação de domínio público.

 

O secretário adjunto de gestão e regularidade ambiental da Semas, Rodolpho Zahluth Bastos ressalta que o trabalho deve continuar para garantir a integridade e o uso sustentável de espaços territoriais estaduais especialmente protegidos, nos termos da legislação.

 

“Há uma forte relação entre o número de novos CAR inscritos na Flota do Paru e o aumento dos índices de desmatamento na floresta pública. A Semas cancelou 456 CAR, entre CAR irregulares inscritos recentemente e CAR que não responderam às notificações de retirada da sobreposição declarada no CAR nas áreas sobrepostas à floresta estadual”, ressaltou o secretário adjunto.

 

Flota do Paru – Criada em 2006, na Floresta Estadual do Paru, está localizada a maior árvore já identificada no Brasil, segundo pesquisas recentes trata-se de um angelim-vermelho de 400 anos de idade, 88,5 metros de altura e quase 10 metros de circunferência. Isso equivale a 2,5 vezes a estátua do Cristo Redentor ou a um prédio de 30 andares.




  • Imprimir
  • E-mail