Camarão no pão
Cartas na mesa

Resende Batista, empresa vencedora da licitação dos ônibus, tem até o dia 17 de julho para entrar em operação em Santarém

Weldon Luciano - 21/05/2019

Atuais empresas de ônibus deixarão de operar assim que a Resende Batista assumir o transporte coletivo de Santarém. Foto: Arquivo -

A Resende Batista, empresa vencedora da licitação dos ônibus, tem até o dia 17 de julho para entrar em operação em Santarém. A informação foi confirmada nesta segunda-feira, 20 de maio, pela Prefeitura Municipal. De acordo com o setor de licitações, a data segue o prazo estipulado pelo edital do certame. Segundo apurou o Portal OESTADONET, os veículos estão em fase final de montagem e a empresa aguarda a entrega deles.  

 

Conforme as regras impostas durante o processo, a empresa deve entrar com 100 ônibus para atender as linhas que interligam os bairros, com a condição de que 50 deles sejam novos e os outros 50 sejam seminovos, garantindo conforto e segurança.

 

A nova concessão abrange 31 linhas a serem exploradas pela vencedora no período de 120 meses (10 anos), prorrogáveis por mais 12 meses. O valor da tarifa será única para todos os itinerários, inclusive para Alter do Chão. Embora a proposta técnica tenha estipulado o valor de R$ 3,40, há a possibilidade desta tarifa permanecer congelada pelo menos até o fim do ano.

 

A Resende e Batista, com sede em Santarém, venceu a concorrência pública, contra o Consórcio Via Norte (formado por duas empresas de transporte rodoviário local: a Eixo Forte Transportes e a Trans Mota), tendo sido escolhida como a melhor proposta.

 

Acessibilidade está entre exigências do edital de licitação

 

Segundo a Secretaria municipal de Trânsito (SMT), por conta das falhas no serviço, o município pretende modificar a estrutura dos ônibus por meio da licitação realizada. A empresa Resende Batista, a vencedora do certame, terá que atuar com 100 carros, sendo 50 deles novos e os outros 50 seminovos. Todos precisam estar adequados com a legislação vigente de acessibilidade.

 

A demanda está presente no edital do certame dos transportes coletivos urbanos no qual de acordo com o edital no item 3, da página 37. Cabe a empresa vencedora do certame cumprir as especificações de acordo com as normas da ABNT relacionadas a padrão de comunicação visual, acessibilidade a pessoa portadora de deficiência, mantendo em condições de pleno funcionamento os serviços delegados à sua responsabilidade.


  • Imprimir
  • E-mail