Camarão no pão
Cartas na mesa

Réplicas de cerâmica tapajoara da Praça Barão de Santarém serão restauradas pela prefeitura com apoio de cooperativa de artesãos

Portal OESTADONET, com informações da Agência Santarém de Notícias - 19/05/2019

Restauração será um trabalho executado entre a Cooperativa Puxirum de Artesãos e Artistas e a Prefeitura de Santarém por meio da Semap - Créditos: Agência Santarém de Notícias

As réplicas de cerâmica tapajoara instaladas na Praça Barão de Santarém serão restauradas nos próximos dias, por meio de uma parceria entre a Cooperativa Puxirum de Artesãos e Artistas e a Prefeitura de Santarém. Entre as obras que serão recuperadas estão os "Vaso de Gargalo" e "Vaso Cariátides", e o "Muiraquitã", todas dos artistas plásticos Laurimar Leal e Renato Sussuarana, responsáveis por grande parte do acervo cultural do Baixo Tapajós e que representam a Cerâmica Tapajônica. O objetivo é dar mais vida aos monumentos, buscando a fidelidade de sua originalidade.

 

Todas as etapas da restauração serão acompanhadas pelos órgãos ligados à preservação do patrimônio histórico, entre eles a Cooperativa. Depois de passarem por reforma nas estruturas, piso, revestimento e calçadas de proteção, todos os monumentos receberão nova pintura nas cores originais, identificadas a partir de processos especiais. Sendo: Pintura com tinta de cor marrom claro, na paleta de cores com um tom entre o camurça e o marfim. Após a pintura será dado um tratamento com betume para que a obra não fique manchada.

 

Segundo o presidente da cooperativa Jefferson Paiva, nesse primeiro momento está sendo realizado uma visita para coletar todas as informações de acordo com a sua história de originalidade. "Antes de iniciar a obra na praça, estamos fazendo um levantamento para obter melhor conhecimento deste bem, o que incluiu pesquisas históricas e as prospecções pictóricas (análise de cores)", explicou.

 

Praça Barão de Santarém


É o maior espaço público da cidade, onde é possível encontrar réplicas da cerâmica arqueológica do município. O espaço é o marco zero da cidade e sua estrutura é composta por jardins, mangueiras e parques de diversões. A decoração da praça é feita com esculturas que imitam as principais formas do vaso cariátides e gargalo e a figura do Muiraquitã esculpida em cada banco.


  • Imprimir
  • E-mail