Camarão no pão
Cartas na mesa

Centro de Convenções em Santarém: terreno para construção pode vir por meio de acordo entre MPF e Sisa Salvação para área do Juá

Weldon Luciano - 12/05/2019

Vista parcial da área onde será instalado o loteamentio da Buruti, em Santarém, entre a rodovia Fernando Guilhon, logo do Juá e rio Tapajós. Foto: Arquivo -

O Centro de Convenções que será construído às margem da rodovia Fernando Guilhon, em Santarém, ganha um novo capítulo. O projeto que está engavetado há anos pode sair do papel se o acordo entre o Ministério Público Federal (MPF) e a Sisa Salvação Empreendimentos que viabilizaram a retomada das obras do Residencial Cidade Jardim seja cumprido.

Caso decisões de processos de reintegrações de posse sobre terrenos localizados nas proximidades da área do Juá que tramitam na Justiça Estadual, sejam favoráveis à empresa, um deles deve ser cedido ao Governo do Estado para viabilizar o empreendimento.   

Segundo o acordo homologado na Justiça Federal, em abril deste ano, a cláusula quinta, determina que a área a ser doada possui 18,4138 hectares e está localizada às margens do Lago Juá, próximo ao aeroporto de Santarém. A obra estaria orçada em mais de R$ 32 milhões.

O Centro de Convenções de Santarém é o primeiro empreendimento desse porte a ser construído no oeste do Pará. O empreendimento será importante para o segmento de turismo e para atividades de cunho acadêmico. O município é sede da Universidade do Estado do Pará (Uepa) e a Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) e diversos eventos poderão ser realizados no novo espaço. 


  • Imprimir
  • E-mail