pms maio
Camarão no pão
Banpará

Nível do Rio Tapajós atinge 5,30 metros, a maior medição no período em 11 anos

Weldon Luciano - 29/01/2019

O nível do rio Tapajós em Santarém registrou 5,30 metros nesta terça-feira, 29 de janeiro. A marca é a maior registrada no mesmo período em 11 anos. A última vez que o rio apresentou este números foi no ano de 2008. Comparado aos dados do ano passado, no mesmo dia, o nível era de 4,14 metros, evidenciando 1,16 metros a mais. Em comparação ao ano de 2009, ano em que houve uma das maiores enchentes da história em que boa parte da orla da cidade ficou submersa, o atual nível está 24 centímetros acima, já que no dia 29 de janeiro de 2009 a medição apontou 5,06 metros. Naquele ano, o Tapajós chegou a 8,32 metros como seu maior nível. 

 

Analisando as medições do mês de janeiro de 2019, comparado ao nãos anteriores, todas ficam superior ao registrado nos últimos anos. Em 2019, no dia 1 de janeiro, foi observado que o Tapajós estava com 4,24 metros. A última vez que o ano iniciou com estes números foi em 2008, quando no dia 1 de janeiro, a régua apontou 4,23. Em 2009, no mesmo dia, a marca era de 3,80. 

 

A mediação é feita diariamente de acordo com uma régua que atende aos critérios técnicos da Agência Nacional de Águas (ANA) e a análise auxilia na tomada de decisões, a fim de orientar os navegantes quanto às precauções de segurança na navegação.

 

Afluente da margem direita do Rio Amazonas, o rio Tapajós tem sua cabeceira localizada no estado do Mato Grosso, na confluência entre os rios Teles Pires e Juruena. A intensidade de chuvas pode ocasionar o aumento do nível do rio, já que em todo o percurso do rio desde sua cabeceira tem sofrido a ação do período chuvoso. Neste mês, Santarém registrou pelo menos três chuvas com o nível de precipitação superior ao de 50 milímetros.


  • Imprimir
  • E-mail