Banpara energia solar


Tradição e sabor amazônico: pirarucu assado na brasa com banana-da-terra

LARISSA MORALES/Folha de São Paulo - 15/01/2024

Pirarucu assado com banana-da-terra, receita de Larissa Morales - - Créditos: Felipe Margarido

Uma combinação clássica na culinária amazônica é o pirarucu assado na brasa acompanhado de banana-da-terra.

 

O pirarucu é um peixe fascinante, tradicional nas águas da Amazônia. Ele possui um tamanho impressionante, podendo atingir até 3 metros de comprimento e pesar mais de 200 quilos, o que o torna um dos maiores peixes de água doce do mundo.

 

É um símbolo de abundância e resiliência, representando uma importante fonte de alimento e sustento ao longo dos tempos para os povos indígenas e ribeirinhos que habitam a região amazônica.

 

Essa combinação tem raízes em antigas histórias indígenas, segundo as quais os peixes e as bananas-da-terra são considerados presentes dos deuses. Assim, ao unir esses dois alimentos, acredita-se que os sabores se complementam e trazem boa sorte.

 

Os povos indígenas acreditam que o peixe traz consigo a força e a energia das águas amazônicas, enquanto a banana-da-terra representa a fertilidade da terra. Ao consumir o pirarucu com a banana-da-terra, eles celebram a conexão entre o rio e a floresta, honrando a natureza e as dádivas que ela proporciona.

 

De sabor suave e levemente adocicado, e com o toque defumado da brasa, a receita que trago hoje é em forma de espetinho e desmancha na boca. Mas esse processo é opcional. Você pode apenas marinar o peixe e servir com as bananas tostadas. O importante é saborear essa combinação perfeita!

 

Ingredientes

 

500 g de lombo de pirarucu

 

5 bananas-da-terra

 

50 ml de tucupi (se não tiver substitua por suco de limão para trazer um toque ácido)

 

1 colher de sopa de salsinha picada

 

1 colher de chá de molho de pimenta

 

Sal e pimenta-do-reino à gosto

 

 

Modo de preparo

 

Descasque as bananas-da-terra e leve para a brasa para dourar todos os lados. Deixe por cerca de três minutos cada lado no fogo alto e reserve.

 

Corte o pirarucu em filetes de 3 cm de espessura e tempere com o tucupi, o molho de pimenta, o sal e a salsinha.

 

Coloque um pedaço de papel filme na bancada, uma banana-da-terra e mais um pedaço de papel filme por cima. Com a ajuda de um rolo de macarrão, espalme a banana-da-terra até ficar com 3 mm de espessura.

 

Pegue o pirarucu marinado e seque bem com papel toalha. Coloque por cima da banana-da-terra espalmada e, com a ajuda do papel filme, forme rolinhos, de forma que a banana-da-terra envolva o peixe e o papel filme cubra totalmente. Enrole as laterais formando um salame e deixando tudo compacto. Leve para a geladeira por 30 minutos.

 

Ainda no papel filme, enfie os espetos de bambu nesses rolinhos, colocando dois em cada espeto, deixando 2 cm de espaço entre eles e cortando entre esses espaços. Retire o papel filme, tempere com azeite e leve para a brasa por 5 minutos cada lado




  • Imprimir
  • E-mail