BANPARÁ BIO 2
Alfabetiza junho

Renda Pará(Atualização): Profissionais de salão de beleza e barbearia reclamam que não conseguem inscrições para o auxílio emergencial de R$ 500

PORTAL OESTADONET, com informações da Agência Pará - 06/04/2021

Matéria atualizada às 14h00.

 

O Portal OESTADONET recebeu dezenas de reclamações de trabalhadores que atuam em salões de beleza e barbearias informando que não conseguem acessar os sites mencionados nesta matéria. Quando conseguem, recebem a informação de que o cadastro já está encerrado.

 

 

 

-------

 

O Governo do Estado abriu, segunda-feira (5), novas inscrições para o auxílio emergencial de R$ 500 para as seguintes categorias profissionais: barbeiros, cabelereiros, esteticistas, manicures, pedicures e maquiadores. São disponibilizadas 20 mil novas inscrições através dos sites da SedemeBanpará e Seaster.

 

Para conferir se será contemplado, basta acessar o site do Renda Pará

 

DOCUMENTAÇÃO

 

O RG,  CPF e Comprovante de Residência (originais e cópias) são exigidos para todas as categorias. Os guias de turismo também precisam apresentar o Comprovante de Cadastro no Cadastur (originais e cópias) e os educadores físicos, o Diploma de Conclusão do Curso de Ensino Superior (originais e cópias).

 

Desde o dia 1º de abril, o Banco do Estado do Pará (Banpará) cumpre o calendário de pagamento do auxílio emergencial, no valor de R$ 500, para trabalhadores autônomos afetados pelas medidas restritivas exigidas pela pandemia do novo coronavírus.

 

Dentre os profissionais contemplados por este auxílio estão as seguintes categorias: instalador de som em aparelhagens, DJ (disk jockey), assistente de palco (roadie), operador de áudio, técnico de iluminação, músico intérprete; educador físico, garçom, guia de turismo, barbeiro, cabelereiro, esteticista, manicure/pedicure e maquiador.

 




  • Imprimir
  • E-mail