pms maio
Camarão no pão
Banpará

Idosos, crianças de 2 a 4 anos e portadores de mais de uma doença são prioridades na imunização contra o H1N1 na região oeste do Pará

Weldon Luciano - 15/03/2019

Idosos, crianças de 2 a 4 anos e portadores de comorbidade ( existência de duas ou mais doenças em simultâneo na mesma pessoa) estão entre os maiores grupos a serem imunizados contra o H1N1 na região oeste do Pará. Nos 20 municípios que fazem parte da 9ª Regional da Secretaria Estadual de Saúde Pública do Pará (Sespa), ao todo, devem ser imunizados um total de 286 mil pessoas, incluindo os grupos prioritários. A Sespa estima que sejam 67.389 idosos, 61.968 crianças de 2 a 4 anos e 37.526 em comorbidade, ou seja, aqueles com a existência conjunta da doença com um quadro clínico que pode agravá-la.

 

Ainda segundo o levantamento, são 28.421 crianças de 6 meses a 2 anos, 21.185 crianças de 5 anos, 15.018 trabalhadores da saúde, 14.208 gestantes, 2.334 puérperas, 25.294 indígenas e 12.927 professores.

 

Em Santarém, maior município da região, devem ser vacinadas 93.802 pessoas, sendo 23.115 idosos, 15,731 em comorbidade, 17.745 crianças de 2 a 4 anos, 9.737 crianças de 6 meses a 2 anos, 5.745 crianças de 5 anos, 6.517 trabalhadores da saúde, 4.868 gestantes, 800 puérperas, 5.448 indígenas e 4.095 professores.     


  • Imprimir
  • E-mail