Dengue
Vox interno
churrascaria interno

Folia em Óbidos: Carnapauxis já reuniu mais de 180 mil pessoas, apontam organizadores

Weldon Luciano - 05/03/2019

Apresentação do Água Negra, folia do Carnapauxis, em Óbidos -

Conhecido como “Carnapauxis”, o tradicional carnaval de rua da Cidade de Óbidos, no oeste do Pará, tem sido sucesso de público. O evento que reúne as mais diversas figuras dos folguedos carnavalescos por meio de blocos que reverenciam o Mascarado Fobó durante os 07 dias de festa, desfilando pelas ruas e ladeiras estreitas da cidade de Óbidos, mantém a média de 30 mil brincantes por noite, num total de 180 mil até o momento. A estimativa é feita pelos organizadores da festa. 

 

Pela avenida já passaram os Blocos Oficiais: Vai ou Raxa, Bloco Mirim (Unidos do Umarizal), Serra da Escama, Água Negra, Xupa Osso e Unidos do Morro. Nesta terça-feira, 5 de março, finalizando a programação será a vez do Bloco das Virgens. Com irreverência e muita alegria, a agremiação reunirá mais uma vez homens vestidos de mulher e mulheres vestidas de homem saindo do bairro Santa Terezinha com destino ao Fobobódromo, localizado na Praça do Sesquicentenário.

 

Origem 

 

O carnaval de Óbidos tem origem na colonização portuguesa. Segundo a literatura local, as famílias tradicionais da cidade realizavam os “entrudos” – batalha entre famílias munidas de fuligem de panela, farinha de trigo e tinta para “atacar” os transeuntes. A brincadeira durou até 1918 quando a diversão das famílias foi substituída pelas festas carnavalescas, momento em que apareceram os grandes bailes e os blocos. O primeiro, chamado de “Os espanadores”, era formado só por militares.

 

Havia também os cordões carnavalescos e os mascarados, que se fantasiavam para falar mal dos políticos e pessoas importantes da cidade. No final da década de 70, o carnaval de Óbidos desapareceu devido uma crise político-econômica. Ele ficou adormecido por quase vinte anos, quando em 1997 a festa ressurgiu. Assim a tradição do povo obidense continua viva entre os brincantes.


  • Imprimir
  • E-mail