HMS

Governo do Pará torna sem efeito a exoneração de 100 servidores comissionados

Weldon Luciano - 09/01/2019

O governador Helder Barbalho decidiu tornar sem efeito as exonerações dos servidores comissionados da administração direta e indireta do estado, cujos nomes foram  relacionados no decreto datado 7 de janeiro de 2019, publicado no Diário Oficial nº 33.775. A decisão afeta 100 servidores de 16 pastas que estão sendo mantidos em seus respectivos cargos e foi publicada também n Diário, nesta quarta-feira, 8 de janeiro.

Conforme o Portal OESTADONET apurou, o corte de 2,5 mil servidores da folha do estado seria a primeira lista de dispensa em massa de ocupantes de cargos em comissão de assessoramento e direção superiores no governo Jatene. A medida atingiu em cheio a Secretaria de Comunicação Social e a Funtelpa. Só na Tv Cultura e Cultura FM, mais os setores administrativos, são 90 exonerações, incluindo todo o comando do jornalismo das duas emissoras.

 

A lista das exonerações que ficaram sem efeito pode ser visualizada aqui. Ainda segundo o Diário Oficial a relação está na seguinte ordem: Casa Civil- Gabinete (57 servidores), Fundação Cultural do Pará (1 servidor), Fundação de Radiofusão Paraense ( 2 servidores), Núcleo de articulação e cidadania (1 servidor), Municípios Verde (1 servidor), Secretaria de Administração (2 servidores), Comunicação (6 servidores), Ciência e Tecnologia (9 servidores), Secretaria de Pesca (1 servidor), Desenvolvimento econômico, mineração e energia (5 servidores), Obras públicas (2 servidores), Esporte e lazer (4 servidores), Secretaria da Fazenda (1 servidor), Justiça e Direitos Humanos (1 servidor), Meio Ambiente ( 1 servidor) e Secretaria de Saúde (6 servidores). 


  • Imprimir
  • E-mail