Doe Sangue
Não a Violencia
Aniversário STM

Yamada leiloa imóveis para quitar dívida de 108 milhões de reais com ex-empregados

Lúcio Flávio Pinto - 24/05/2018

O grupo Yamada, integrado por cinco empresas do comércio varejista e atacadista do Pará, em processo de recuperação judicial depois de liderar o setor, fez uma composição de acordo, que representa um terço da sua dívida total com os credores, calculada em 300 milhões de reais.

Para fazer a composição com, os representantes dos seus quatro mil empregados, a corporação ofereceu oito imóveis. Eles serão vendidos em hasta pública e se o valor estimado for atingido, proporcionará a arrecadação de R$ 108 milhões, o suficiente para a quitação do débito trabalhista. O imóvel de maior valor, de R$ 46 milhões, é a Arena Yamada, na região metropolitana de Belém.

A Autocomposição e Negócio Jurídico e Processual, a designação técnica do acerto, foi firmada, ontem, na 13ª vara cível e empresarial de Belém, com quatro sindicatos. Os funcionários receberão integralmente seus créditos, renunciando às multas para ter o pagamento antecipado.

A próxima etapa do processo será a realização da assembleia dos credores, para a aprovação do plano dos débitos, no dia 14 ou, não havendo quorum, no dia 28 de junho.

Completado o ciclo, a Yamada continuará o projeto traçado por seu controlador atual, Fernando Yamada.


  • Imprimir
  • E-mail