Portal OESTADONET

Um comboio com 45 viaturas do segundo batalhão de engenharia deixou Teresina, capital do Piaui, na madrugada de terça-feira(7), com destino a Moraes Almeida, distrito de Itaituba, no sudoeste do estado, onde as fortes chuvas interromperam o trafego de caminhões que escoam a safra de grãos do Mato Grosso até os portos de Miritituba, em Itaituba.

São sete dias de viagem das maquinas, que precisarão percorrer mais de 2 mil quilômetros para chegar até o destino.

A utilização de batalhões de engenharia do Exército no apoio às obras emergenciais na Br-163, a rodovia Santarém-Cuiabá, foi anunciada no último sábado pelo comandante do Exército, general Vilas Boas, após protestos de caminhoneiros que ficaram ilhados em uma fila de mais de 4 mil carretas, na semana passada.

Segundo o coronel Alessandro Silva, comandante do 2º. BEC, as máquinas vão pavimentar um trecho de 65 quilõmetros entre Moraes Almeida e Itaituba, onde por causa das chuvas, as elevações da estrada escorregadia não permitiram que os caminhões prosseguissem viagem.

Além de militares sediados em Teresina, o comboio contará com integrantes de outras unidades do Exército da  região Nordeste.

O Oitavo Batalhão de Engenharia, sediado em Santarém, está encarregado das obras de pavimentação em trechos da rodovia Br-163, sem asfalto,entre Santarém e Rurópolis.




Comente no Site (Clique Aqui)


Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Comente no Facebook (Clique Aqui)


Última modificação em Quarta, 07 Fevereiro 2018 08:34