Lúcio Flávio Pinto

As duas empresas da Equatorial Energia na região Norte ficaram entre as melhores empresas de grande porte para se trabalhar no Brasil, conforme a pesquisa da consultoria Great Place To Work, divulgada na semana passada, durante evento em São Paulo. A mais bem colocada foi a Cemar, empresa energia do Maranhão, em 22º lugar em 2017. O ranking classificou as 25 empresas preferidas. A Celpa ficou no rol das melhores empresas listadas, já sem classificação individual.

A Equatorial assumiu o controle da Cemar, que tem 1.184 funcionários, em 2006. Substituiu o grupo Rede na Celpa, com 1.483 funcionários, em 2012, logo em seguida ao início do processo de recuperação judicial da concessionária estadual de energia. No ranking, a Mineração Rio do Norte, que extrai bauxita no Trombetas, no sul do Pará é a única empresa de mineração classificada.
O levantamento é feito pela GPTW a partir de consultas aos departamentos de recursos humanos e aos empregados. O objetivo é verificar o nível de confiança dos funcionários. A pesquisa também considera os comentários dos empregados sobre o ambiente de trabalho. O levantamento é feito em 53 países. No Brasil, desde 1997.
O título surpreendeu os consumidores, acostumados a reclamar – e muito – da Celpa. Se os usuários da concessionária fossem consultados, ela não estaria em tão boa posição. Mas parece que seus empregados têm opinião distinta – e devem ter suas razões para uma mudança favorável em relação à fase da Rede, que foi desastrosa. Se a progressão da Equatorial no Pará for do mesmo padrão do estabelecido no Maranhão, pode-se ter uma esperança de melhoria também nos serviços da empresa.




Comente no Site (Clique Aqui)


Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Comente no Facebook (Clique Aqui)


Última modificação em Quarta, 06 Setembro 2017 10:44